top of page

UFPI assina acordo de cooperação com Universidade de Lisboa e amplia ações de internacionalização



O Reitor da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Gildásio Guedes, recebeu na manhã desta quinta-feira (15), o professor Sérgio Loureiro, representante da Universidade de Lisboa (ULisboa) e idealizador do projeto “Nós Propomos! Cidadania e Inovação na Educação Geográfica” em Portugal, para discussão de ações de internacionalização da Instituição. Na oportunidade, estiveram presentes também o Vice-Reitor, Viriato Campelo; a Pró-Reitora de Ensino de Pós-Graduação, Regilda Saraiva; e o professor da UFPI, Raimundo Lenilde, coordenador do projeto no Piauí e Embaixador no Brasil.


A reunião marcou a assinatura, pelo Reitor da UFPI, de dois acordos de cooperação: um geral, assinado também pelo Reitor da ULisboa, Luís Manuel dos Anjos; e outro específico com o projeto “Nós Propomos!”, assinado pelo Presidente do Instituto de Geografia e Ordenamento do Território da ULisboa, José Manuel Simões. O projeto tem por finalidade promover uma efetiva cidadania territorial e mobilizar profissionais da educação nas mais diversas áreas.


O Reitor Gildásio Guedes ressaltou a honra de receber o professor visitante, bem como contribuir com a internacionalização da Universidade, a partir da assinatura dos acordos, os quais iniciam uma série de novas parcerias a serem firmadas. “Essa ação marca nossa dedicação e empenho em colocar a UFPI à frente do processo, nesse convênio, a partir do intercâmbio com a Universidade de Lisboa”, afirmou.


Já o coordenador do projeto no Piauí e embaixador no Brasil, professor Raimundo Lenilde, celebrou a parceria e afirmou que é só o início, pois além de Portugal, o projeto está em outros países como Laos, Peru, Colômbia, México e Moçambique. Para ele, esse é um processo importante principalmente para a Pós-Graduação, pois é uma exigência da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), que regulamenta o ensino. “Unir as instituições facilita a internacionalização da UFPI. Com isso, conseguimos articular profissionais e estudantes de vários países, nesse caso, Brasil e Portugal”, pontuou.


Na ocasião, o idealizador do projeto, Sérgio Loureiro, explicou a metodologia utilizada e garantiu que existe um antes e depois da educação geográfica com a popularização do Nós Propomos. Ele destacou que a ideia principal é desafiar os alunos para, ao olharem por sua comunidade, serem capazes de identificar problemas que envolvem educação, cultura, sustentabilidade, entre outros temas. “É um estudo de caso, mas o mais importante é colocar os jovens em diálogo com a população”, concluiu.


Estiveram presentes também o professor Edinaldo Mousinho, Diretor do Colégio Técnico de Teresina; o professor Marcos Teixeira, representando o projeto no Piauí; a diretora do Centro de Ciências Humanas e Letras, Edna Joazeiro; a Assessora Internacional da UFPI, Juliana Paz; além de professores dos cursos de Pós-Graduação nas áreas de História do Brasil, Ciência Política, Políticas Públicas, Filosofia e Geografia.



33 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Conheça os projetos da EAgro

PROJETOS DE EXTENSÃO Ciências Agrárias Saúde e Segurança Alimentar (2021-2023) Orientação: Daniela Cavalcante dos Santos Campos Hortas como promoção de segurança alimentar e educação ambiental em Esco

Comments


bottom of page